Skip to content

Viajando Sozinha: O que mudou no visto para o Reino Unido

viajando sozinha

Hoje em dia muitas mulheres aprenderam a arte e a maravilha que é viajar sozinha. Poder conhecer lugares do mundo da sua maneira. Um dos destinos mais procurados é a Europa, seja pelo romantismo das ruas de Paris, pela história das ruas da Grécia ou pela cultura e ambiente de Londres.

Recentemente foi anunciado que o Reino Unido vai sair da União Europeia, muitas se perguntam o que isso vai influenciar na entrada de estrangeiros tanto na UE, quanto nos países do Reino Unido.

Felizmente, a resposta para a questão da mudança dos sistemas de vistos entre Brasil e Reino Unido, após a saída dos britânicos da União Europeia, é positiva. O Visto para o Reino Unido continua sendo de acesso linear para os brasileiros, já que em 2013, para facilitar a convivência, o Brasil instalou um Conselho de Cidadãos no Reino Unido que garante o interesse mútuo para o turismo entre os dois países.

Isso quer dizer que, na prática, embora o Reino Unido tenha deixado a União Europeia e isso tenha tido um grande impacto no modo como o mundo enxergou a questão, as relações entre Brasil e Inglaterra continuam interessantes, principalmente para quem busca tirar seu visto, trabalhar, estudar ou passear por lá. Atualmente, são 120 mil brasileiros vivendo no Reino Unido, o maior contingente de toda a Europa, segundo o Ministério das Relações Exteriores.

A estimativa, segundo a Associação Brasileira no Reino Unido, é de que cerca de 300 mil pessoas visitaram o país. A comunidade britânica também é o segundo maior destino para estudantes brasileiros, atrás apenas dos Estados Unidos. Entre 2013 e 2014, mais de 380 mil britânicos visitaram o Brasil. Ainda em 2013, cerca de 271 mil brasileiros visitaram o Reino Unido, e ele foi considerado o nono destino mais procurado pelos brasileiros no mundo, segundo informações do Ministério do Turismo.

Visto Reino Unido

No caso da obtenção de vistos, as opções e trâmites continuam os mesmos, sendo que para conseguir o visto de turista, por exemplo, pode requerer o Visto de Visitante, que é opcional para brasileiros com viagens de duração de até seis meses, seja com objetivo de negócios, turismo ou estudos não acadêmicos.

Porém, uma das recomendações é a de que, caso você tenha comprado um curso de alto valor, e já tenha tido qualquer tipo de problemas com a imigração, solicite este visto antes de sair do nosso País. O Reino Unido sempre teve e continua tendo um departamento de imigração rígido, que cumpre várias regras, independente do Brexit. Por isso, garanta suas documentações com antecedência e aproveite o que a Grã-Bretanha tem de melhor.

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.