Skip to content

Qual é o momento certo?

A gente vive esperando o momento certo. A hora ideal para pedir um aumento, o instante adequado para declarar um amor, a chance de expor uma ideia.

E se o momento certo for agora? Aliás, e se essa tal hora ideal nem existir?

Às vezes deixamos a felicidade de lado justamente por pensar demais no que nos faria felizes.

Eu que o diga. Tenho uma espécie de síndrome da insatisfação que não passa nem com mandinga.

Respirando fundo e quebrando a cabeça percebi que o corre corre funciona como uma lente de aumento. Ele nos faz ver os problemas muito maiores do que são e aí é batata: dá-lhe adiar a felicidade.

Que tal tirar os óculos, deixar pra lá essa tal lente de aumento e degustar os pequenos prazeres? Eu tô aqui… Tentando.

Colunista de hoje:

FlahIIFlah Queiroz – Branca de Neve que adora um blush. Bela Adormecida com insônia. Cinderela que não abandonaria o sapato predileto. Bela com vocação para Fera. Chapeuzinho chegada em lobo mau. Viciada em finais felizes e avessa ao sentido literal das coisas. Como diria a melhor amiga: Nem mulherzinha, nem mulherão… Mulher sem medida. Quase-publicitária, quase-escritora, quase-romântica, quase-bonita… Obstinada por inteiro. Blog: Relicário. Twitter: @flahqueiroz

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.