Skip to content

E quando o ego fala mais alto?

O nosso ego faz com que nossas atitudes sejam direcionadas aos nossos desejos. Mas e quando ele começa a nos fazer querer mais e mais? Faz com que não demos importância para o que os outros pensam, ou sentem, ou até mesmo nos fazem machucar os outros e depois nos sentirmos culpados por atitudes que não são pensadas, são feitas por impulso.

(Definição de EGO: Egocentrismo – do latim ego, eu, e centro. A pessoa  sempre quer ser protagonista, é absolutamente incapaz de por-se no lugar do outro, tem seu ponto de vista exclusivo e nega profundamente qualquer outro ponto de vista que não seja o seu. )

O ego deve ser controlado quando não se consegue mais ter percepção das coisas, e simplesmente se age única e exclusivamente pra si, causando desconforto não só para a pessoa, mas também para quem está perto, um exemplo básico é o ego masculino ‘pegador’, como funciona? SIMPLES, ele quer pegar TODAS e quer que TODAS as que ele pega sejam fiéis a ele, quando ele pode sair, fazer o que quiser, ser livre e do independente futebol clube enquanto elas devem ficar atrás dele! Isso não existe mais, hoje as mulheres não são as mesmas bobinhas de antigamente, elas são tão inteligentes (não dizendo que são mais, bem mais) que os homens e muito independentes e descoladas, consequentemente não vão querer ficar atrás de um cara que pega todas e quer todas pra ele. Isso de certa forma acaba ferindo o ego do ‘pegador’ ele vai pensar melhor no que fazer, como fazer, quando e onde.

Mas e quando você acaba gostando de alguém, e seu ego diz que com certeza é reciproco, ou seja, você acha o que queria, mas no final das contas não era nada daquilo, e você acaba se ferindo e ficando com o ego ferido? Isso acontece com todo mundo, e como toda decepção o que se deve fazer é mudar o foco, até que a ferida se feche e tudo volte a ser o que era antes.

O fato é que não esquecemos quem nos fere o ego, como também não esquecemos quem nos faz feliz, então o que se tem a fazer é relaxar e beber por que tudo vai virar passado no futuro e dessa vida não se leva nada.

Colunista de Hoje

Neto – Lindo, só que não. Tenho 23 anos, paulista. Formado em TI e trabalho na área e adoro tecnologia, pratico muay thai e faço academia. Gosto muito de sair, ir pra balada, me divirto muito com meus amigos! Gosto de falar sobre tudo um pouco, desde relacionamentos até esportes e música, e tamo aí na atividade pra ver o que rola nessa infinita highway. Facebook: Alcides Mendes Neto

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.