Skip to content

Mulheres são como crianças riquinhas

Sabe aquela velha história de que gosto é igual cu digital, cada um tem a sua? Pois é, além de isso ser muito verdade, também se aplica a diversos elementos da personalidade humana. Quando digo elementos, eu digo gostos, prazeres, objetivos, vontades, entre outros. E nada melhor para comparar isso do que dar uma boa olhada na relação homem x mulher.

Quando se trata de descobrir como lidar com uma pessoa do sexo oposto, é meio que um desafio olímpico. Homens são diferentes de mulheres, e isso torna tudo muito difícil. O que pode parecer a coisa certa a fazer, na verdade é justamente a ÚLTIMA coisa a ser feita. Acho que por isso as relações homossexuais são mais fáceis (ainda bem que eu gosto de um bom desafio hehehe).

Vi no Proféticos

Uma das grandes diferenças entre os sexos é que mulheres são mais detalhistas. Elas levam em conta qualquer elemento relacionado ao homem e relacionam isso ao passado dele, como se fosse uma cicatriz que mostrasse como ele verdadeiramente é. Qualquer passo, frase ou ação que o cara tome, é uma pista pra descobrir a verdadeira essência, personalidade dele.

Tendo isso em vista, chego ao ponto que queria: as mulheres julgam os caras pela quantidade de outras mulheres que estão atrás dele ou que ele já pegou. Exato. Se você é um cara que não tem nenhuma mulher atrás de você, nem mulheres que demonstrem estar a fim de você na frente dos outros, você não vai impressionar mulher nenhuma. Agora, se você é daqueles caras que as mulheres ficam fofocando no banheiro, ficam mandando recadinho no Orkut e reply no Twitter, pode acreditar, você terá ainda mais mulheres interessadas.

É uma questão de física: mulher atrai mulher. Mulher gosta de concorrência, lá no fundo, ela gosta. O sabor, o prazer de pegar um homem que todas as outras desejam é único na vida delas. Mulheres gostam de admiração, o que pode ser chamado também de inveja, por parte das outras. Por causa disso, mulherengos tendem a ser mais mulherengos.

Os homens já são diferentes. O cara, quando está a fim de alguma mulher, quanto menos homens estiverem atrás dela, melhor. Se não tiver NENHUM, ótimo, maravilha! Homem não gosta de ter trabalho, de complicação. Se você, cara que está lendo esse texto, pega uma mulher bonita, seus amigos vão te admirar de qualquer jeito se tivessem 100 caras atrás dela, ou nenhum. Você simplesmente pegou a mulher.

Agora como, vocês homens, podem tirar vantagem dessa situação? Dê em cima, de uma forma que funcione, de três mulheres do mesmo círculo de amizades. Elas vão começar a fofocar entre si sobre você. Então começa o marketing boca a boca. As mulheres que você deu em cima, e gostaram, vão começar a falar, e outras vão ouvir, e todo mundo vai saber da sua fama de pegador: e você ainda nem pegou ninguém.

Agora é saber administrar. Como mulher gosta de desafios, você não vai ser direto com nenhuma. Tem que ficar dando esperança, esperança, pra elas fofocarem mais sobre você. Talvez seja bom sair em público com uma mulher que nenhuma delas conheça, dessa forma você terá mais fama ainda.

Mulheres são como crianças riquinhas: querem o que querem quando querem. Só vai de você, homem, dar uma de bom pai, e dar aos poucos o gostinho de conseguir aquilo antes das outras. É como aquele moleque chato do bairro, que compra o videogame novo antes de todo mundo, e gosta mais de exibir pros amigos do que jogar.

Claro que não são todas as mulheres que são assim, e provavelmente 80% das que lerem esse texto também não são (ninguém nunca é, engraçado isso), mas convivo com MUITAS mulheres, e sei como a coisa funciona. Por que vocês acham que os populares do colégio ficavam com quem eles queriam?

É meu amigo, pegar mulher dá trabalho. Administrar dá mais ainda. Mas, é o preço a se pagar. Como li hoje mesmo no Twitter: Mulher é como Ferrari, se você não quer pagar a manutenção, ande de ônibus. A manutenção de um relacionamento é cara, você só precisa perceber se o passeio compensa ou não.

______________________________________________________

Texto enviado pelo meu amigo (lindo) Vinícius do  blog Livro Mecânico Tá no twitter também: @V_Fleury

3 Comments

  1. Que raiva disso! E o pior é que é tudo verdade. Depois é o homem que é grosso, que não quer compromisso… E aquela história de que homem é tudo igual? Mulheres, e o amor? Depois reclamam que não encontram o seu príncipe encantado.

  2. É da natureza da mulher querer o que é cobiçado pelas outras, isso faz a gente se sentir poderosa, por mais que nenhuma assuma isso, somos birrentas, algumas mais que as outras e isso é fato.

  3. Eu assumo viu, sou assim mesmo. Sou birrenta. Tudo tem que ser do jeito que eu quero e na hora que eu quero. Estou sempre reclamando e nunca to satisfeita. Pois é, o pior de tudo é que sempre percebo quando faço isso! rs

    Mulheres são assim mesmo e duvida que há alguma que não seja assim. Se existe, são peças raras.

    Cuidar e conviver com uma mulher não é fácil. Mas acho que tentar agradar ela o tempo inteiro não é a solução, até pq é algo impossível. Acho que a melhor forma de TENTAR agradar uma mulher é em pequenos gestos…
    Pelo menos eu sou assim. Eu não vou me importar se o cara me der um presente lindo, mas vou ficar toda boba se ele mandar uma carta ou até mesmo uma mensagem romântica. Pra mim, pequenos gestos são essenciais! rsrs

    Ótimo texto!! Adoro seu blog!!
    Beijão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.