Skip to content

Como guardar os enfeites de natal?

O natal já passou e chegou a hora de guardar os enfeites! Aprenda com a gente qual a forma certa de armazenar cada um

Veja a seguinte cena: os dias de dezembro chegam, o Natal se aproxima e você decide, então, reservar aquela tarde para montar a árvore e os decorativos natalinos em casa. Vai atrás das caixas escondidas que contêm tudo dentro, e tem uma surpresa desagradável: a maioria dos decorativos… já era.

Estão empoeirados, riscados, rasgados e até mesmo mofados. Para evitar este tipo de situação, que inclusive gera mais despesas, a organização correta dos materiais é essencial. Para que eles continuem bonitos e brilhantes pro ano que vem.

Normalmente, a árvore de Natal e os preparativos natalinos são desmontados e guardados dia 6 de janeiro, por ser o dia de santo reis, em homenagem aos três reis magos que conceberam presentes à Maria e José pelo nascimento de Jesus. Durante o tempo de Natal, a decoração fica exposta, bonita, ornamentando a casa e alegrando os moradores e os visitantes que passam por ali. Mas e depois desse período? O que fazer com todos aqueles arranjos?

Aproveite que terá que comprar novas decorações – já que as suas estragaram devido ao mau armazenamento das caixas empoeiradas – e confira também dicas de como organizar os enfeites corretamente:

1 – Enfeites da árvore

        Os organizadores são excelentes opções para manter tudo em seu devido lugar. Sejam compartimentos separados, unidos ou em formato de gavetão único. Os recipientes (normalmente de plástico) ajudam a guardar as bolas de natal para que não quebrem nem se desgastem ou sofram com a ação do tempo, já que eliminam atrito e poeira.

Caixas de papelão também podem ser úteis para guardar os enfeites da árvore, desde que estes estejam alinhados e separados para não estragarem. A dica é envolver as bolas de Natal em jornais velhos para preservar a estrutura do globo, mantendo o brilho dos enfeites.

2 – Árvore de Natal

        A árvore, por muitas vezes ser grande e cheia de ramificações e detalhes, costuma dar trabalho para quem fica com a tarefa de guardá-la apropriadamente. Se não conservada corretamente, acumula poeira e pode quebrar ao longo do tempo. Por isso, é fundamental manter a árvore segura para o próximo ano. Uma boa maneira é desmontar a árvore é separá-la e colocá-la dentro de uma sacola plástica. De forma que fique bem fechada e guardada, para aí ficar em um baú ou algo fechado.

Já existem organizadores específicos, de plástico ou outros materiais, para separar a árvore e armazená-la corretamente. Lojas de decoração e artigos natalinos costumam ter este tipo de material.

3 – Pisca-pisca

        Extremamente delicado e com grande facilidade de embolar os fios, as luzinhas de Natal precisam ser guardadas com muito cuidado e disciplina. Por isso, uma boa ideia são carretéis para enrolar os fios. Sem deixar a linha apertada ou larga, já que é muito fácil de embaraçar. Pode ser armazenada também enrolada em um pedaço de papelão ou algum material resistente, que preserve e mantenha a durabilidade do material.

4 – Presépio

        Costumeiramente de porcelana, gesso, madeira ou outro material frágil, o presépio é um dos mais importantes símbolos do Natal. Muitas vezes com uma pintura delicada, ele precisa ser armazenado de forma a evitar poeira e principalmente, umidade. Já que as peças costumam ser suscetíveis a ações de fungos e microorganismos. O ideal é guardar as peças em plástico bolha, para, em seguida, colocá-las juntas em uma caixa fechada.

        Separando e mantendo corretamente os enfeites, certamente eles serão reutilizados ano que vem com aquela aparência de novo!

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.