As mulheres falam de sexo sim!


Fiquei intrigada com alguns comentários que vi no Chongas (de onde surrupei este vídeo). Algumas pessoas assustam-se com o ‘palavriado’ usado pelas mulheres quando o assunto é Sexo. Se fossem homens será que estariam tão boquiabertos?

Concordo que mulher falando palavrão é feio, mas vejo este vídeo como uma conversa entre amigas, ou seja, amigas falando sobre sexo e aí não dá para não falar certos nomes. É diferente de uma mulher que usa palavrões quando está trabalhando ou em uma conversa de bar. Se você sentar com amigas para falar sobre sexo oral, em algum momento você vai dizer as palavras: buceta, pau, saco, chupar (ou seus respectivos sinônimos: xaninha, xoxota, pênis, e etc – o que muitos concordam “Não são nomes bonitos”).

A mulher nem sempre fala de como ela gosta de ser chupada e muito menos de como chupar o namorado/marido/ficante. Isso é fato ou mito?

Quando uma mulher assume que gosta de falar sobre sexo nem todo mundo vê com bons olhos, o preconceito fala mais alto e a pessoa pensa: Putz, mulher que fala isso deve ser ‘rampeira’. Só esquecem que ‘falar sobre’ não quer dizer que você faz com sexo por aí com qualquer um (inclusive existe uma lenda que quem muito fala sobre sexo, faz pouco hehehe).

Já recebi algumas DMs no twitter com pessoas que confundem o que falo aqui com a possibilidade de ser uma louca por sexo e que é só enviar uma DM que tá ‘dentro’. Sempre uso a frase: Não confundam a blogueira com o blog (o que muitos não entendem também). Gosto muito de sexo e de falar sobre o assunto, mas não estou desesperada à procura de aventuras. Prefiro o sexo com o sentimento (não é à toa que sou uma mulherzinha).

O que você achou do vídeo?